Vereadores protestam contra ameaça de fechamento da Base do SAMU por falta de contrapartida da Prefeitura de Tauá

Publicado em: 29/10/2018 21:00:45
Tag(s): Ameaça, Fechamento, SAMU, Tauá.
Categoria:
Clique para Ampliar

Vereadores protestaram contra a possibilidade de fechamento da Base Regional do SAMU duranre a sessão da Câmara Municipal de Tauá realizada na noite desta segunda-feira, 29. O assunto foi abordado pelo vereador Vony Sousa, PT, durante pronunciamento na Tribuna do Plenário. Ele cobrou informações sobre o convênio existente entre União, Estado e Prefeitura, para garantir o funcionamento da unidade. 

O discurso do parlamentar foi aparteado por outros vereadores que reclamaram e pediram providências a Prefeitura de Tauá. Dra. Fátima Veloso disse que os profissionais que atuam no SAMU estão com medo de falar sobre o que está acontecendo na Base para não sofrerem represálias e até demissões. Ela disse que as instalações fisicas do prédio onde funciona a Base está precisando de reforma e que a Secretaria de Saúde não está disponibilizando as refeições para os profissionais que ficam de plantão no SAMU aguardando o acionamento por parte da população. "O fechamento do SAMU não vai prejudicar somente a população de Tauá, mas dos outros municípios atendidos pelo serviço", disse a vereadora.

Já o vereador Antonio Coutinho disse não acreditar que o prefeito venha a passar essa vergonha de permitir que o SAMU de Tauá feche as portas por falta da contrapartida da gestão municipal.

O vereador Argentino Filho afirmou que o prefeito e o secretário de Saúde não estão fazendo nada para melhorar a saúde da população e criticou o que considera desmando, o que vem acontecendo nas unidades de saúde do município.

Valdemar Jr. pediu que a Câmara Municipal de Tauá acompanhasse uma visita que o Coordenador do SAMU no Ceará, Cel. João Vasconcelos, fará ao município de Tauá no dia 07 de novembro próximo, para visitar a unidade e ter um encontro com o gestor municipal.

Nota nas redes sociais

Durante o final de semana, circulou nas redes sociais de Tauá uma nota atribuída ao Cel. Vasconcelos, falando sobre a situação do SAMU e a possibilidade de fechamento da unidade, inaugurada em 23 de outubro de 2014, porque a Prefeitura Municipal não está cumprindo com sua responsabilidade na garantia do funcionamento da Unidade.

Leia!

Prezados Colaboradores:

A Direção do SAMU CE, comunica que vem acompanhando a situação de desabastecimento da Base Regional Tauá no tocante à contra - partida municipal. Existe termo assinado e pactuado entre as esferas Federal, Estadual e Municípal. Institucionalmente vinhamos tentando solução para a situação em tela, onde, a Coordenação de serviços e Dr. Montezuma buscam resolutividade para o caso, sempre observados por essa Direção.

Diante da situação atual, estive hoje reunido com Dr. Montezuma e já deixo agendado, uma visita "in loco" a Base Regional Regional de Tauá para o dia 07/11/18 e posterior reunião com o Senhor Prefeito Municipal e Secretário de Saúde Municipal em busca de uma solução definitiva e rápida para o problema, evitando assim abrirmos procedimentos que culminariam com a retirada do serviço SAMU CE 192 do município, o que não é a intenção dessa Direção.

Atenciosamente,

João Vasconcelos Sousa
DIRETOR GERAL DO SAMU 192 CE

Clique Aqui e Assista a sessão!