Lula nega declaração de apoio a Eunício para o Governo do Estado

Publicado em: 21/05/2014 18:05:06
Tag(s): Sucessão, Ceará, Desmentido, Lula, Eunício.
Categoria:
Clique para Ampliar

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negou, em conversa, nesta terça-feira, com dirigentes nacionais do PT que tenha declarado apoio à pré-candidatura do senador Eunício Oliveira (PMDB) ao Governo do Estado e manifestou irritação com o que considerou de distorção de suas palavras. A declaração de suposto apoio ao peemedebista cearense foi atribuída ao presidente Nacional do PMDB, Valdir Raupp, em nota distribuída por assessores do senador Eunício Oliveira.

Eunício, ao lado dos senadores Renan Calheiros, José Sarney, Vital do Rego, Valdir Raupp e Romero Jucá, foi recebido, nessa segunda-feira, em São Paulo, pelo ex-presidente Lula para avaliação sobre a CPI da Petrobras e o quadro pré-eleitoral nos Estados. No Ceará, o senador Eunício Oliveira tenta atrair o apoio do PT que hoje está integrado ao Governo do Estado. O PMDB rompeu a aliança com o Governo Cid Gomes.

De acordo com informações colhidas por este site, o ex-presidente Lula reconheceu como legítima a pré-candidatura de Eunício Oliveira ao Governo do Estado, reconheceu a importância do PMDB dentro da aliança com o PT,  mas em momento algum declarou que iria apoiar o peemedebista ou ficar contra o candidato do governador apoiado pelo Governador Cid Gomes. (Site Cearaagora)

Jornal O Povo também publicou matéria sobre o assunto. Veja!

A menos de três semanas para o início do período de convenções partidárias – das quais devem sair os candidatos nas eleições de 2014 -, o cenário da sucessão no Ceará foi marcado ontem por farpas, reações e desmentidos.

Presidente nacional do PMDB, o senador Valdir Raupp (RO) afirmou ao O POVO que o ex-presidente Lula “deseja” apoiar o senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) ao governo. “Mas ele disse que vai continuar conversando com o governador Cid Gomes para manter a unidade”, completou Raupp sobre as três maiores siglas da base no Ceará: Pros, PT e PMDB.

Raupp, Eunício e outros do PMDB se reuniram com Lula na noite de terça, em São Paulo. Depois da conversa, Raupp afirmou ao Diário do Nordeste que Lula anunciou apoio a Eunício, que tenta ser o candidato governista à sucessão de Cid (Pros), que prefere indicar um nome do seu próprio partido e deixar a escolha para junho.

Esse anúncio foi negado por Lula, por meio do assessor de imprensa do Instituto Lula, José Chrispiniano, que disse ontem ao O POVO: “O ex-presidente não confirma essas declarações” e “não confirma definição do apoio do PT a Eunício, até porque é uma decisão partidária e não há nada definitivo no Ceará”.

O POVO procurou Eunício. Conforme sua assessoria, ele não comentaria palavras ditas por outra pessoa (Raupp).

Site: O POVO ONLINE