Foragido da Justiça é fuzilado no Distrito de Marruás

Publicado em: 24/07/2013 12:38:35
Tag(s): Homicídio, Distrito de Marruás, Tauá.
Categoria:
Clique para Ampliar

Um homicídio à bala foi registrado por volta das 6h da manhã desta quarta-feira, 24, no Sítio Lages, Distrito de Marruás. A vítima foi o foragido da Justiça de Pedra Branca, Nilton Teles da Silva, 28 anos.

A vítima saía da casa de sua companheira em direção à residência de seu pai, para se deslocar ao roçado, quando foi emboscada. Inicialmente, um tiro de escopeta calibre 12 foi disparado, em seguida, vários disparos de revólver e possivelmente pistola, foram efetuados.

O Secretário de Segurança Pública e Proteção à Cidadania, Cel. Deladier Feitosa, esteve no local e juntamente com o Agente de Cidadania, Laverne, conduziu o corpo para o Hospital de Tauá e ficará aguardando a chegada do Rabecão da Perícia Forense. Vários projéteis foram encontrados no local.

Os disparos foram feitos no abdômen e cabeça levando a concluir inicialmente que tratava-se de uma execução. Nilton Teles nasceu no dia 07 de setembro de 1985, é natural da localidade de Porteiras, município de Mombaça, filho de Francisco de Assis da Silva e Maria Auzenir Teles da Silva.

O pai da vítima informou que seu filho já respondia por duplo homicídio ocorrido há cerca de 10 anos na localidade de Mineirolândia, zona rural do Município de Pedra Branca.

Levantamentos preliminares indicaram que dois homens desconhecidos teriam sido vistos na localidade há poucos dias. Uma viatura da Polícia Militar está realizando diligências na região do Marruás para tentar encontrar pistas que levem a identificação dos autores e as causas do crime.

A possibilidade de crime passional também será levada em consideração.